incinerando películas

listando por categoria

 

Surrogates

Surrogates (2009) – Substitutos
roteiro: Michael Ferris, John D. Brancato
direção: Jonathan Mostow
1.5 Stars

2054. Grande parte da população usa os andróides substitutos da Virtual Self, que cumprem todos os afazeres do dia a dia e permitem que seus donos jamais tenham que sair de casa. Entretanto um terrorista tecnológico passa a assassinar os andróides, causando caos geral. Dois policiais são designados para cuidar do caso: Tom Greer (Bruce Willis) e sua parceira, agente Peters (Radha Mitchel).
(fonte: adorocinema.com)

Leia mais »

Snitch

Snitch (2013) – O acordo
roteiro: Justin Haythe, Ric Roman Waugh
direção: Ric Roman Waugh
1 Stars

(resenha publicada originalmente no Vórtex Cultural, em 15/04/2013)

Mais uma tentativa de Dwayne Johnson de encarar um papel sério num drama, não sendo apenas “o fortão” do elenco. Infelizmente, a tentativa não passou disso. The Rock não consegue dar peso e presença a seu personagem. Contudo, esse problema não é exclusividade sua. Mesmo que não fosse dele o papel de John Matthews, o pai empenhado em ajudar o filho de qualquer forma, o filme ainda estaria longe de ser considerado bom. Os demais personagens, assim como a trama, carecem de verossimilhança e carisma. É difícil dar credibilidade a uma estória em que o protagonista procura informações sobre cartéis e chefões do tráfico na Wikipedia.

Leia mais »

Alex Cross

Alex Cross (2012) – A sombra do inimigo
roteiro: Marc Moss, Kerry Williamson
direção: Rob Cohen
1.5 Stars

Fui assistir ao filme apenas para passar o tempo até chegar o horário do pokerzinho semanal. No shopping onde estava, escolhi-o dentre os filmes em cartaz, parecendo ser a opção “menos ruim”. Porém, infelizmente, acabou mesmo apenas preenchendo o tempo. Fiquei tão entediada, que comecei a conferir meu relógio antes mesmo da metade do filme.

Leia mais »

Flowers of war

The flowers of war (2011) – Flores do Oriente
roteiro: Heng Liu
direção: Yimou Zhang
1.5 Stars

Sinopse:
Um ocidental encontra refúgio com um grupo de mulheres em uma igreja durante uma invasão das tropas japonesas na década de 1930. Ao se passar por sacerdote, ele tenta deixar as mulheres em segurança.
(fonte: Guia Folha – Cinema)

Leia mais »

Into Thin Air: Death on Everest

outside

Into Thin Air: Death on Everest (1997) – Morte no Everest
roteiro: Robert J. Avrech
direção: Robert Markowitz
1 Stars

Pensem em um livro que tenham lido e gostado mais do que o esperado. Agora imaginem descobrir que existe uma versão cinematográfica dele. Então, foi com esse grau de expectativa que apertei o play no Netflix para assistir ao filme.

Leia mais »

Awake

Awake (2007) – Awake – A Vida Por Um Fio
roteiro e direção: Joby Harold
1.5 Stars

Precisava achar um filme não muito longo para assistir ontem. Afinal, iria acordar cedo hoje para participar de uma prova de corrida. Esse estava passando na tv a cabo. Já tinha começado a assistir em outra ocasião, mas por algum motivo, não assisti inteiro. Ontem, eu descobri que não tinha perdido nada.

A começar pelo título. Mania irritante das distribuidoras que, sem saber como traduzir o título original, optam por utilizar esse título acrescido de um subtítulo que tenta explicar do que se trata o filme.

Usar a consciência anestésica* como mote para o desenvolvimento da estória é até uma boa ideia, mas foi extremamente mal utilizada. As experiências extra-corpóreas do personagem ocupam boa parte do filme, o que deixou tudo bastante entediante.

Atuações medíocres (como sempre) de Jessica Alba e Hayden Christensen. Lena Olin parece estar lá apenas de corpo presente. Nem mesmo o talento de Terrence Howard consegue deixar o filme menos ruim. Junte-se a isso vários diálogos horríveis e “voilà!”, mais um filme que eu não recomendaria a ninguém.

(*) Paciente em cirurgia, mesmo anestesiado, tem consciência do que ocorre à sua volta

awake

Matchstick men

Matchstick Men (2003) – Os vigaristas
roteiro: Nicholas Griffin
direção: Ridley Scott
2 Stars

Sinceramente, não esperava muito desse filme. Ainda bem, por que conseguiu ser pior do que eu esperava.

Resolvi assistir por terem comentado comigo sobre a atuação de Nicholas Cage como um portador de TOC (transtorno obsessivo-compulsivo), cheio de tiques e com a típica mania de limpeza. E foi só o que se salvou no filme.

Leia mais »

Wall Street: Money Never Sleeps

Wall Street: Money Never Sleeps (2010) – Wall Street: O dinheiro nunca dorme
roteiro: Allan Loeb, Stephen Schiff
direção: Oliver Stone
2 Stars

Fui assistir e me decepcionei. Esperava mais.

O filme não é ruim, mas ficou aquém da expectativa. Não precisava de 130 minutos de filme para mostrar que Gekko e o mercado financeiro continuam os mesmos.

Assistível, mas não é excepcional.

wall street 2

Machete

Machete (2010)
roteiro: Robert Rodriguez, Álvaro Rodríguez
direção: Ethan Maniquis, Robert Rodriguez
2 Stars

Diferente de alguns grandes diretores que conseguem imprimir seu estilo a um filme sem se repetirem, este é simplesmente “mais do mesmo”. Ter um estilo próprio é uma coisa, fazer sempre o mesmo filme é outra bem diferente – e muito mais enfadonha. E a segunda opção é a impressão que tenho sobre Robert Rodriguez. Seus filmes são apenas variações sobre o mesmo tema.

Leia mais »

Gran Torino

Gran Torino (2008)
roteiro: Nick Schenk
direção: Clint Eastwood
2.5 Stars

Mais uma vítima da expectativa.
O plot pareceu interessante e eu costumo gostar dos filmes dirigidos por Eastwood. Por conta disso, e por esperar algo tão bom quanto Million dollar baby e Mystic river, esse filme foi decepcionante.

Leia mais »